terça-feira, 28 de abril de 2009

< Unimultipolaridade >


Nome confuso mas é bem um retrato para onde caminhará o mundo, será muito usado daqui pra frente. Esse nome se dá a "muitas potências e a uma super potência", os Estados Unidos continuão a ser de longe o mais poderoso mas está perdendo espaço para essas outras potências e nesse panorama mais aberto, conectado e mais dinâmico que o mundo se encontra hoje fica portando mais rápido esse processo. O Brasil está como personagem principal junto com outros países do BRIC, países em ascenção.
[Samuel Huntington> cientista político, autor da expressão> doutorado da Harvard University onde lecionou até 2007]
[fareed zakaria, "the post-american world"].

Um comentário:

Natália Costa disse...

Super interessante! Meu nome é Natália e estou cursando RI! Esse blog me auxilia muito!